Nota do IBDU sobre o estado de calamidade pública no Amazonas

Na capital do coração da floresta que é o pulmão do mundo, o Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico (IBDU) solicita ações emergenciais do Estado Brasileiro e presta solidariedade às famílias manauaras e de todo Amazonas, reiterando a urgência:

  • Da ação do governo federal para suprir o abastecimento de oxigênio e priorização da vacinação na coordenação do SUS e seguimento das orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) de isolamento, uso de máscara e higienização, destacando que não há nenhuma medicação de tratamento precoce de eficácia comprovada;
  • Do isolamento social e respeito aos protocolos de prevenção ao contágio do coronavírus por toda a população;
  • Do apoio às campanhas de doação em suporte à defesa da vida da população amazonense (contatos e informações confiáveis em nossas redes sociais – Facebook e Instagram);
  • Da investigação do MPF da responsabilidade do governo federal pela priorização da cloroquina e tratamento precoce ao atendimento de oxigênio em Manaus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *