COVID-19: Especialistas comentam os impactos da pandemia em série de vídeos

Durante a pandemia, o IBDU se preocupou em ouvir especialistas sobre as questões urgentes a respeito das populações mais vulneráveis de nosso país.  Alguns destes especialistas foram Betânia Alfonsin, diretora geral do Instituto; Nelson Saule Júnior, associado e Coordenador de Direito à Cidade do Instituto Pólis; e Raquel Rolnik, professora da FAUUSP, coordenadora do LabCidade e ex-Relatora da ONU para o direito à moradia.

Foram abordados temas como a importância de uma moradia adequada, que contenha saneamento básico e as mínimas condições de isolamento; a importância da utilização de imóveis vazios e do instituto jurídico da requisição para a disponibilização de leitos em hospitais privados para atender às populações vulneráveis;  e a utilização de quartos da rede hoteleira para acomodar famílias em situação de gravíssimo risco quanto à infecção pelo COVID-19. Também é abordado o impacto que esta pandemia trará para estas populações, pensando na situação de desigualdade social e espacial brasileira.

A série esta disponível em nosso youtube  e ainda receberá novos vídeos. Eles também estão sendo disponibilizados em nosso site. Aproveitem!

 

Debate Novos Olhares sobre o Direito à Cidade

Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico – IBDU e o Le Monde Diplomatique Brasil realizam, no próximo dia 7 de dezembro de 2017, às 18h, o Debate “Novos Olhares sobre o Direito à Cidade”.

O evento tem por objetivo debater questões relativas às opressões de gênero, raça e orientação sexual e sua relação com o direito à cidade. Para estimular o debate, convidamos:

Joice Berth – Arquiteta e Urbanista. Pós-graduada em Direito Urbanístico pela PUC-MG. Feminista Interseccional Negra. Integrante do Coletivo Imprensa. Colunista do Justificando. Atualmente, é assessora parlamentar na Câmara Municipal de São Paulo.

Marielle Franco – Socióloga. Mestra em Administração Pública pela UFF. Trabalhou em organizações da sociedade civil como a Brasil Foundation e o Centro de Ações Solidárias da Maré (Ceasm). Coordenou a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Atualmente, é Vereadora do Município do Rio de Janeiro pelo PSOL.

Coletivo Babado Periférico – Coletivo composto por LGBTs da quebrada e produtores da recém lançada websérie que trata sobre temas como saúde, educação, família, aceitação da comunidade, juventude, cultura, da realidade de resistência diante de tanto preconceito, exclusão e exploração.

Na oportunidade, o IBDU lançará as publicações e a websérie do projeto editorial “Direito à Cidade: novos olhares”. As duas primeiras publicações, que abordam a questão urbana a partir de olhares de gênero já estão disponíveis em versão digital gratuita no site www.ibdu.org.br.

 

______________________________________________________________________

Conheça mais sobre o projeto editorial “Direito à Cidade: novos olhares”


Para tratar da pauta das opressões e permitir que novas vozes expressem sua opinião sobre o direito à cidade, contribuindo para um debate coletivo em permanente construção, o projeto editorial “Direito à Cidade: novos olhares” traz uma série de publicações gratuitas e uma websérie de quatro episódios.

Se, por um lado, os movimentos sociais urbanos avançaram em uma agenda de reivindicações em torno do direito à moradia adequada, do saneamento e da mobilidade, atualmente, as demandas de grupos identitários ganha importância para pensar a pauta do direito à cidade. A conquista da casa ou do transporte público, por exemplo, não implica na superação das relações de opressão baseadas no gênero, na raça, na orientação sexual ou na idade.

Os olhares apresentados nas publicações e vídeos são de militantes sociais, acadêmicos e profissionais que pensam e ressignificam as lógicas de mercantilização do espaço público, levando em conta as opressões e intersecções entre elas.

Fazem parte do projeto editorial as seguintes produções coletivas:

Livro “Direito à Cidade: uma visão por gênero”
Livro “Direito à Cidade: uma outra visão de gênero”
Livro “Direito à Cidade: olhares e vivências da cidade a partir da identidade de gênero e diversidade afetiva & sexual”
Livro “Direito à Cidade 129 pós-abolição: vivências negras no espaço urbano”
Websérie Novos Olhares sobre o Direito à Cidade

______________________________________________________________________

Programação do Debate Novos Olhares sobre o Direito à Cidade

18h – Recepção e abertura

18H30 – Lançamento da Websérie “Direito à Cidade: Novos Olhares” + Lançamento das publicações “Direito à Cidade: Uma visão de Gênero” e “Direito à Cidade: Uma outra visão de Gênero”

18h45 – Debate com Joice Berth, Marielle Franco e Coletivo Babado Periférico

21h – Encerramento

Local: Auditório do Instituto Pólis – 1º andar
Rua Araújo, 124 – Vila Buarque – São Paulo/SP.
Próximo ao metrô República.

Haverá transmissão on-line do evento

Inscrições gratuitas para participação presencial em: https://www.even3.com.br/novosolhares2017

Vagas para participação presencial: 80 pessoas

Realização: 
Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico – IBDU
Le Monde Diplomatique Brasil

Apoio:
Instituto Pólis
Fundação Ford