Congresso Brasileiro de Direito Urbanístico tem número recorde de trabalhos acadêmicos.

O número de trabalhos inscritos no VIII Congresso Brasileiro de Direito Urbanístico teve um acréscimo de 50% em relação ao último evento, realizado em São Paulo, em 2013.

Segundo o Comitê Científico, para o Congresso de Fortaleza, que ocorrerá entre 4 e 7 de outubro deste ano, foram recebidos 174 trabalhos (138 artigos e 36 resumos) que serão distribuídos entre dez Grupos Temáticos. Outro dado relevante foi a diversidade de origem dos trabalhos enviados. Os autores são acadêmicos e profissionais de diversas instituições do país. São trabalhos oriundos de mais de 50 universidades brasileiras, com destaque para a anfitriã do Congresso, a Universidade Federal do Ceará (com 14 trabalhos), e também para a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (com 11 trabalhos), a Universidade Federal Fluminense (com 10 trabalhos) e a Universidade Federal de São Carlos (com 9 trabalhos).

Também se destacam trabalhos de gestores públicos de diversos órgãos e municípios, de magistrados, de membros do Ministério Público e de advogados. Na avaliação do Comitê Científico, o quantitativo de trabalhos e sua pluralidade representa o aumento da inserção do Direito Urbanístico não apenas na academia mas também entre os profissionais da área do Direito e da Arquitetura e Urbanismo.

O Comitê Científico terá a árdua tarefa de selecionar os melhores trabalhos durante o mês de julho. O resultado com os aprovados será divulgado no dia 3 de agosto.

Maiores informações no site www.direitourbanistico.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *